Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Então, hoje...

por t2para4, em 14.07.12

... depois de uma manhã porreira (Ok, as piolhas estavam um pouco ansiosas e excitadas com a perspetiva de lhes fazermos a vontade = sair para almoçar fora), em que conseguimos ir ao Leroy Merlin ver coisas para a casa e enchimento de puffs, ir ao shopping sem grandes alaridos, almoçar benzinho e ter conseguido comprar umas t-shirts muito giras na Inside (a 2,99 e 3,99 €, apesar de eu achar que o S me está apertadito e o M me ficar a nadar), eis que, senão, mal entramos no Continente, começa o fim do mundo.

 

Explicando: duas piolhas a quererem fazer compras do que queriam, a implicar/embirrar uma com a outra e a começar uma birra (das normais, por causa do sono a chegar) descamba num espetáculo de circo com as duas aos gritos e uma delas a ter cada vez mais dificuldade em controlar-se (isto já não faz parte da birra normal) e a não conseguir expressar-se verbalmente de forma que a entendessemos. Acabámos por sair dali, sem compras, com as duas atrás aos gritos e a chorar... Dizer que não as conhecemos ou deixá-las para trás para que nos sigam, não resulta lá muito bem porque alheiam-se.

Bem, a parte "cómica" disto tudo é que, pelo facto de serem duas, a fazer tudo em coro sintonizadamente perfeito, dá para que as pessoas olhem e achem piada ou olhem e achem que nós pais somos uns desgraçadinhos da pior espécie... Pelo menos, não ouvimos comentários dos "se fosse meu filho...".

A continuação da parte "cómica" é que, autistas ou não, os putos deveriam andar todos possuídos hoje pois apanhei duas famílias cujas crianças levaram umas palmadas ao vivo e a cores (apeteceu-me bater-lhes palmas!) e outros que guinchavam que nem os porcos dos angrybirds. As minhas andavam mal mas não eram as únicas.

A conclusão da parte "cómica" é que passámos da fase "ah coitados são gémeos" porque eram bebés e davam muito trabalho e despesa para a fase "ah coitados são gémeos" porque são crescidas, dão muito trabalho e despesa e, ainda por cima, fazem birras em público...

 

 

Agora,se me permitem, enquanto as piolhas estão na cama a retemperar energias para pôr a cabeça da avó em água fervente, a minha pessoa vai ali passar um discurso a limpo e preparar-se para uma apresentação da autora do lançamento do livro "Contos d'Aki e d'Akolá". Eu já volto.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 14:01

Contador

AmazingCounters.com


Direitos Reservados

Algumas das fotos publicadas neste blog são retiradas da Internet, tendo assim os seus Direitos Reservados. Se o autor de alguma delas discordar da sua publicação, por favor informe que de imediato será retirada. Obrigada. Os artigos, notícias e eventos divulgados neste blog tem carácter meramente informativo. Não existe qualquer pretensão da parte deste blog de fornecer aconselhamento ou orientação médica, diagnóstico ou indicar tratamentos ou metodologias preferenciais.


4 comentários

Sem imagem de perfil

De Daniela Santos a 14.07.2012 às 16:34

eheh ... é por isso que nós vamos às compras à vez. se o puto andar ansioso ou mesmo irrequieto, nem arrisco entrar num centro comercial! e não é porque ele quer isto ou aquilo, naaaa ... só quer correr, correr e correr mais um bocadinho! ou finjo que não conheço pai e filho pela maratona que fazem no centro comercial ou me sento à espera que se canse! e como isso não acontece muitas vezes...
pelo menos o resto da manhã foi tranquila, também queixas-te de quê???? :)
bjocas miga!
Imagem de perfil

De Vânia Pereira a 14.07.2012 às 21:54

As birras são um expectaculo cá em casa, a Bia então deixa-me com os cabelos em pé. As birras dela parece que estão a espancar a menina. Ai que neura que eu fico...Na rua não faz muito porque tem vergonha mas às vezes esquece-se e vem aos gritos o caminho todo. God...que falem à vontadinha. Sei a "especie" de "peixes" que tenho cá em casa.eheheh. Tudo a correr bem e descansa um bocadinho, também precisas.
Imagem de perfil

De t2para4 a 16.07.2012 às 18:09

Eu é que ainda acredito que posso mudar o mundo e insisto e insisto e insisto... Depois dá nisso, claro... O mais complicado não é a birra em si; é a transição entre birras e o descontrolo de um das piolhas. mas, pronto, água mole em pedra dura tanto bate até que fura e se não formos tentando nunca saberemos se as estaremos a ajudar ou não… Não quero que fiquem mais autistas do que são, sem sequer conseguirem sair de casa para fazer compras ou tomar um café… Acho isso demasiado limitativo e não quero esse futuro para elas.




Com calma e persistência, lá haveremos de chegar. Por agora, vou trocar os horários :)
Sem imagem de perfil

De Rainbow Mum a 17.07.2012 às 23:19


Isso mesmo M! Desistir não é hipótese. Com o tempo e maturidade tenho a certeza que cada vez mais essas saídas serão mais fáceis. Por aqui isso tem acontecido e coisas impensaveis ha uns tempos agora são finalmente possiveis, como uma ida a um teatro, a um cinema, a um parque de diversões... Há uns meses era o caos...

Os ditos normais as vezes tb fazem birras de meia noite... Chama-se a isso ter 4 anos, sendo que sabemos que as dos nossos são por vezes mais dificeis de controlar pois eles nao tem a mesma capacidade de auto-regulacao.. Mas vao ter! Força! E beijinhos para as piolhas

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor







Copyright

É proibida a reprodução parcial/total de textos deste blog, sem a indicação expressa da autoria e proveniência. Todas as imagens aqui visualizadas são retiradas da internet, com a excepção das identificadas www.t2para4.com/t2para4. Do mesmo modo, este blog faz por respeitar os direitos de autor, mas em caso de violação dos mesmos agradeço ser notificada.

Visitas


Translate this page


Mensagens