Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Como tinha dito no post anterior, falei com o terapeuta da fala nessa sessão e expus as minha sdúvidas e preocupações. Até ao moemnto, nunca se sentiu uma verdadeira necessidade de terapia ocupacional e daí não as piolhas não terem sido chamadas para nenhuma sessão em concreto, apesar de já terem trabalhado uma ou duas vezes com a terapeuta ocupacional.

O nosso terapeuta sugeriu que, devido ao desfasamento de desenvolvimento que as piolhas têm, esta fase do desafiar, do desobedecer propositadamente pode ser isso mesmo - apenas uma fase - que deveria ter surgido por volta dos dois anos e meio, três anos mas só se manifesta agora. Elas não têm apenas algum atraso a nível de linguagem e o que envolve as emoções, têm também a outros níveis de desenvolvimento e daí talvez este tipo de comportamentos. No entanto, ficou de falar com a terapeuta ocupacional e com a psicóloga da isntituição onde têm terapia e ver o que se pode fazer pelas piolhas. 

 

A equipa do PIIP é composta por um terapeuta da fala, um assistente social, um psicólogo e um educador de educação especial mas não prevê nada além disso... Sei que as piolhas estão em boas mãos e, mais uma vez, noto que é mesmo importante dar ouvido à minha intuição e à observação mais obejetiva que tenho (eu e o pai) das piolhas. Felizmente, nesta fase, já ninguém deixa isso de fora. 

 

Aguardarei pelo desenrolar de tudo isto. Hoje, pressentindo (ou não!) alguma mudança, as piolhas almoçaram tão bem, comeram tanto e sem fazer uma birrinha que fosse, que nem queria acreditar! Oxalá se mantenham assim!

 

Responderei aos comentários mais tarde e, se não for pedir demais, continuo interessada em saber o que se poderá fazer em terapia ocupacional e que estratégias podemos usar quando os comportamentos não são os mais adequados. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:54

Contador

AmazingCounters.com


Direitos Reservados

Algumas das fotos publicadas neste blog são retiradas da Internet, tendo assim os seus Direitos Reservados. Se o autor de alguma delas discordar da sua publicação, por favor informe que de imediato será retirada. Obrigada. Os artigos, notícias e eventos divulgados neste blog tem carácter meramente informativo. Não existe qualquer pretensão da parte deste blog de fornecer aconselhamento ou orientação médica, diagnóstico ou indicar tratamentos ou metodologias preferenciais.


Mais sobre mim

foto do autor







Copyright

É proibida a reprodução parcial/total de textos deste blog, sem a indicação expressa da autoria e proveniência. Todas as imagens aqui visualizadas são retiradas da internet, com a excepção das identificadas www.t2para4.com/t2para4. Do mesmo modo, este blog faz por respeitar os direitos de autor, mas em caso de violação dos mesmos agradeço ser notificada.

Visitas


Translate this page


Mensagens