Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Organizing

por t2para4, em 28.12.11

A aproveitar a semana de férias;

A brincar muito com as piolhas;

A tentar que as piolhas não andem dois passos para a frente e cinco para trás;

A respirar fundo vezes demais;

A desejar o que não posso ter; 

E a sentir-me culpada com isso;

A tentar saber lidar com as frustrações e birras e desatinos das piolhas (mais aquele horrivel handflapping!!);

A despedir-me do ano 2011 e a fazer New Year resolutions para 2012;

A organizar-me, ainda que seja só na minha cabeça;

A mudar a casa, de novo: desta vez foi o candeeiro da sala que teve um encontro imediato de 3º grau com um pincel, uma chave de fendas e a minha imaginação;

A ter alguns momentos para ler;

A ter muito que fazer e pouco tempo para o fazer;

etc etc etc

 

Be back soon :)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:38

Feliz Natal

por t2para4, em 23.12.11

Votos sinceros de um santo e feliz Natal a todos os que nos rodeiam e nos acompanham neste nosso T2 para 4.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:08

Breves

por t2para4, em 20.12.11

Muito trabalho, horário muito apertado e muito pouco tempo livre. Darei notícias, responderei aos comentários e visitarei os meus blogs semelhantes (e outros de eleição) brevemente (como quem diz, no fim de semana, se der, visto que será Natal (já?!!!!)).

 

Até lá, muito rapidamente, depois de umas semanas a bater mal e a ter as piolhas mais agitadas que uma varinha elétrica, lá acalmaram, os comentários no caderno têm sido bons, elas têm cooperado nas atividades e, apesar de um ou outro precalço, aquela agitação toda parece ter diminuido. Até uma delas revela menos episódios de handflapping. A solução, pouco viável e nada permanente, foi uma redução drástica da exposição a estímulos que pudessem desencadear isso: nada de compras com elas, nada de idas a shoppings, nada de luzinhas e sininhos e musiquinhas e corzinhas e confusõezinhas, pouca gente à volta delas. Para já, acalmou-as e deu-nos também a nós alguma paz e tranquilidade. O resto depois se vê.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:05

O pai deu a ideia: "vamos almoçar ao McDonald's e, no final, vamos dar um passeio ao Jardim Botânico". Ideia dita em inglês para que as piolhas não percebem caso não desse, mas nada feito. Elas entenderam bem o que estávamos a combinar e ficaram logo radiantes. Já avisei o marido que temos que combinar uma língua secreta entre nós ou começar a falar em francês...

 

O almoço correu bem, comeram tudo (bem, quase tudo) e, no final, apesar do sono já começar a querer fazer das suas, lá fomos ao Botânico, na companhia da avó.

 

Apesar da correria, dos perigos que ninguém vê nem nota mas eu vejo e elas descobrem, nem foi mau de todo. A nossa máquina fotográfica já começa a revelar cansaço depois das milhares de fotos que já tirou (o obturador começa a dar sinais de que já tem muito trabalho em cima pelo que, presumo que já devemos ter ultrapassado as 50 mil fotos). Apesar disso, ainda tira boas fotos. 

Fica a recordação nestes dias mais complicados...

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:47

Leituras - oportunidades fantásticas

por t2para4, em 13.12.11

Há nos que sou sócia-membro da biblioteca municipal. Eu e as meninas (elas desde este verão). Não tenho dinheiro (nem espaço) para comprar todos os livros que desejaria, pelo que, quando quero ler algo diferente do que tenho em casa, vou requisitar livros.

Neste momento, estou a ler este:

 

 

Mas também requisitei este:

 

 

Coisitas leves para a minha cabeça tonta, neste momento.

 

 Ora bem, para quem, como eu e o marido, gosta de livros, pode aproveitar as promoções fantásticas que a loja do DN tem até ao dia 7 de janeiro. E até tem coleções completas a preços muito muito aliciantes e convidativos. É ideal para prendas de Natal, por exemplo. Aproveitem!

 

http://www.lojadojornal.pt/LojaDoJornal/pages/homepage.xhtml 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:15

Papel de embrulho

por t2para4, em 13.12.11

Este ano recuso-me a gastar um cêntimo que seja em papel de embrulho e fitinhas. Além de ser um desperdício de papel, pensemos na quantidade de árvores necessárias para o fazer, no destino que esse papel terá no dia 25 de dezembro, no quão pouco ecológico e impessoal é... 

As fitinhas reaproveito todas mas quando acabarem, não compro mais. Prefiro usar tiras de tecido ou flores ou whatever ou apenas o embrulho.

Li, algures na net, que há alternativas bem giras! Fazer embrulhos em papel de jornal não me agrada porque, além do cheiro, não me enche a vista. Descobri, então, que a solução estava bem debaixo do meu nariz e nas minhas gavetas: desenhos das piolhas. Os melhores dos melhores guardo numa pasta mas os demais estão numa mica com a etiqueta "papel de embulho". Ninguém consegue resistir ao desenho de uma criança! 

Assim, eis como ficarão os nossos presentes:

 

Fica giríssimo, não fica?

 

Também dá para reaproveitar os tubos de papel higiénico e fazer uns découpages originais:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:00

Presentes de Natal #3

por t2para4, em 13.12.11

Já consegui terminar algumas das coisas que fiz para as crianças e até já enviei algumas pelo correio. 

Assim, para as meninas mais pequeninas, além de um miminho extra, vão estas pregadeiras

 

 

Para um dos meninos, mais pequeno, vai, entre outro miminho mais útil, um íman também em feltro.

 

 

 Assim:

- para as crianças mais pequenas daremos as pregadeiras e bandoletes de tecido com laço ou luvas

- para os meninos vão luvas ou gorros e ímans

- para as teenagers, uns colares todos fashion

- camisolas para os sogros e chapéus para os meus pais

 

E estou muito feliz connosco porque, este Natal, sinto mesmo que há um verdadeiro espírito natalício nesta oferta de prendas porque foi pensada e criada por nós e houve muito carinho na sua elaboração. A partir de agora será sempre assim: acabaram as correrias e gastos absurdos em prendas muitas vezes inúteis e sem significado; faremos nós o que queremos oferecer e essa é a parte melhor. Para o próximo ano, é só mudar as ofertas e há muitas ideias giras!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:20

Desafio: o que pensava há 5 anos atrás

por t2para4, em 12.12.11

Descobri este tesourinho deprimente no meu disco externo, numa pasta da altura em que estava grávida... Que saudades... Hoje, alteraria algumas coisas. É giro ver como evoluimos e damos valor a outras coisas e mudamos comportamentos.

 

Em 2007

Eu quero: Que as minhas filhas nasçam muito saudáveis e não precisem de incubadora
Eu tenho: Uma família que me ama e que eu amo.
Eu acho: Maravilhoso estar grávida.
Eu odeio: Enervar-me desnecessariamente
Eu sinto Saudades: do meu pai (é emigrante)
Eu escuto: Uma música do Mário na Cidade FM (é sempre a mesma coisa)
Eu cheiro: A mim mesma 
Eu imploro: Que o meu agregado familiar seja sempre feliz e saudável
Eu procuro: O melhor para a minha família
Eu pergunto-me: Como será ter as gémeas no meu colo, assim que acabarem de nascer
Eu arrependo-me: De não ter uma personalidade mais forte
Eu amo: A minha família e as minhas lindas gémeas
Eu sinto dor: Quando me lembro das dificuldades da minha infância/adolescência
Eu sinto falta: Do meu trabalho no Colégio e dos meus alunos
Eu importo-me: Com a minha situação contratual, quando nascerem as gémeas/acabar a licença de maternidade
Eu sempre: Passo a vida a comer  Que fome!!
Eu não fico: Sossegada muito tempo na cama/sofá (sou como os gatos, tenho que arranjar um bom cantinho)
Eu acredito: Que alguém superior olha por nós
Eu danço: Quando o ouço a música “My girl” do Justin Timberlake
Eu canto: No banho, a ouvir música, no carro,…
Eu choro: Por tudo e por nada.
Eu falho: Sou um ser humano, não é?
Eu luto: Para ter uma vida melhor e proporcionar tudo às minhas filhas
Eu escrevo: muitos mails.
Eu ganho: Sempre que argumento com a minha irmã 
Eu perco: Tempo a chatear-me com coisas que não o merecem. 
Eu nunca: deixarei que as minhas filhas ocupem outro lugar que não o 1º, sempre, no meu coração
Eu confundo-me: Com tanta coisa…
Eu estou: Feliz e ansiosa para que as gémeas nasçam.
Eu sou: Ansiosa, trabalhadora e muito preocupada … Mas também sou simpática e amiga 
Eu fico feliz quando: Tudo corre como desejámos
Eu tenho esperança: Que tudo vai correr como queremos.
Eu preciso: de tanta coisa!  pagar a casa, comprar roupinhas e brinquedos para as garotas, fraldas e toalhetes… ai, ai, o que me espera… 
Eu deveria: Ser menos hipocondríaca e preocupar-me menos
Em 2011, quase 2012
Eu quero: Que as minhas filhas tenham um futuro fantástico nesta sociedade podre e estigmatizada
Eu tenho: Uma família que me ama e que eu amo.
Eu acho: Maravilhoso ser mãe e conseguir conciliar isso com uma profissão!
Eu odeio: Enervar-me desnecessariamente
Eu sinto saudades: de tantas coisas... do meu pai, de dormir até às 9h ou 10h, de estar grávida e sentir um bebé na barriga, de ser tratada com respeito na minha profissão, da sviagens que fiz, de pessoas fantásticas que conheci...
Eu escuto: O som do ar condicionado a aquecer-me a sala e a enxugar-me a roupa
Eu cheiro: A mim mesma 
Eu imploro: Que o meu agregado familiar seja sempre feliz e saudável
Eu procuro: O melhor para a minha família
Eu pergunto-me: o que poderei/poderemos fazer para que as piolhas sejam pessoas bem integradas nesta nossa sociedade
Eu arrependo-me: de magoar desnecessariamente o marido com as minhas teimosias
Eu amo: A minha família e as minhas lindas filhas
Eu sinto dor: sempre que penso que as minhas filhas são autistas
Eu sinto falta: de ser respeitada como profissional e de um bom ordenado
Eu importo-me: Com a minha situação contratual, com o futuro das piolhas, com o dia de amanhã
Eu sempre: Passo a vida a comer. E a pensar em café. E a correr de um lado para o outro
Eu não fico: à espera que chova. Tenho que (re)agir.
Eu acredito: Que alguém superior olha por nós
Eu danço: Quando o ouço a música “Dança kuduro” do filme "Furious Five"
Eu canto: A ouvir música, no carro, no trabalho...
Eu choro: Muito, por necessidade, porque dói, porque preciso. Não tanto como antes.
Eu falho: Sou um ser humano, não é?
Eu luto: Para ter uma vida melhor e proporcionar tudo às minhas filhas
Eu escrevo: muito. 
Eu ganho: um ordenado que me ajuda a pagar as contas. E sensatez e sabedoria à medida que cresço e envelheço. 
Eu perco: Tempo a chatear-me com coisas que não o merecem. 
Eu nunca: deixarei que as minhas filhas ocupem outro lugar que não o 1º, sempre, no meu coração
Eu confundo-me: Com tanta coisa…
Eu estou: Feliz , triste, revoltada, zangada, cansada... É a montanha russa das emoções. Viagem gratuita. 
Eu sou: Ansiosa, trabalhadora e muito preocupada … Mas também sou simpática e amiga 
Eu fico feliz quando: vejo as pequenas evoluções das piolhas.
Eu tenho esperança: Que tudo vai correr bem.
Eu preciso: de paz e sossego, de gente de bem por perto, de pagar as contas :P
Eu deveria: preocupar-me menos, dedicar-me mais ao que realmente interessa.
Bem, conclusão: a família sempre em 1º lugar, novas preocupações, situação contratual inconstante na mesma, endurecida por dentro e numa montanha-russa de emoções. Vai na volta e sou caso de estudo para algum psicólogo...
Feel free to share it!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:30

Contador

AmazingCounters.com


Direitos Reservados

Algumas das fotos publicadas neste blog são retiradas da Internet, tendo assim os seus Direitos Reservados. Se o autor de alguma delas discordar da sua publicação, por favor informe que de imediato será retirada. Obrigada. Os artigos, notícias e eventos divulgados neste blog tem carácter meramente informativo. Não existe qualquer pretensão da parte deste blog de fornecer aconselhamento ou orientação médica, diagnóstico ou indicar tratamentos ou metodologias preferenciais.

Pág. 1/2



Mais sobre mim

foto do autor







Copyright

É proibida a reprodução parcial/total de textos deste blog, sem a indicação expressa da autoria e proveniência. Todas as imagens aqui visualizadas são retiradas da internet, com a excepção das identificadas www.t2para4.com/t2para4. Do mesmo modo, este blog faz por respeitar os direitos de autor, mas em caso de violação dos mesmos agradeço ser notificada.

Visitas


Translate this page


Mensagens