Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Hoje é dia de egoísmo...

por t2para4, em 28.05.13

... dos pais.

Os últimos dias não têm sido propriamente um mar de rosas e o que descrevi aqui foi apenas o início de uma crise como nunca tinha visto. Não é da idade, não é do tempo - é da ansiedade, da falta de sono, do acumular de tensões associados ao autismo. Assustei-me apavoradamente ao ver a piolha assim, foi tudo completamente diferente do que já tinha visto nelas até então e nem sequer se tratou de uma birra...

Depois de contactar o pediatra da unidade de autismo e explicar o que se passara, aguardei feedback. O dr. Frederico foi fantástico e ligou-me no fim de semana para confirmar um pouco o que já sabíamos que iria acontecer: regresso à melatonina e à risperidona ao final da tarde. Estivemos imenso tempo a conversar sobre estes últimos tempos e uma das coisas que ele me perguntou foi se tínhamos sido suficientemente egoístas. Confesso que nem por isso. A verdade é que, apesar de ter feito um time out de muita coisa, continuei a viver pelas e para as piolhas. 

Assim, passei a fazer um pouco do que fazia antes e, por preguiça e comodismo, deixei de fazer com tanta frequência, com a ânsia de vir para casa: começaram a passar mais tempo em casa da avó enquanto eu vou às compras ou dou uma volta pela localidade a tratar de burocracias, aproveitamos para passar o fim de semana ao ar livre e não deitados (bem, deitadA, eu) no sofá ou a tratar de domesticidades e vamos ao cinema. A bem dizer, acho que já não vou ao cinema desde os "Piratas das Caraíbas 3"... 

 

Vou ver um filme para o relax: "Velocidade Furiosa 6" porque sim, porque gosto de carros, porque tem gajos bons, porque o marido também gosta do filme e porque já vimos os outros 5 e gostámos e porque juro que até me dava jeito um daqueles carros do filme anterior (aquele que é militarizado e que o nosso estado ia para comprar mas acabou por desistir). Seria uma gaja feliz a conduzir um bicho daqueles :) :)

 

Gostos à parte, precisamos deste momento e temos mesmo que afastar este sentimento tão típico da nossa geração e que não existia nos nossos pais: o sentir culpa por estarmos longe dos nossos filhos. Eu tenho que me mentalizar, cada vez mais e mais do que nunca, de que apesar de muito minhas, as piolhas também são dos avós, da tia, das amigas, etc. E que, estando elas bem entregues e felizes, eu não tenho que sentir culpa absolutamente nenhuma.

 

Assim sendo e como vai sendo hábito, breathe in breath out and time out for selfishness without a hint of guilt.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:09

Contador

AmazingCounters.com


Direitos Reservados

Algumas das fotos publicadas neste blog são retiradas da Internet, tendo assim os seus Direitos Reservados. Se o autor de alguma delas discordar da sua publicação, por favor informe que de imediato será retirada. Obrigada. Os artigos, notícias e eventos divulgados neste blog tem carácter meramente informativo. Não existe qualquer pretensão da parte deste blog de fornecer aconselhamento ou orientação médica, diagnóstico ou indicar tratamentos ou metodologias preferenciais.


Mais sobre mim

foto do autor







Copyright

É proibida a reprodução parcial/total de textos deste blog, sem a indicação expressa da autoria e proveniência. Todas as imagens aqui visualizadas são retiradas da internet, com a excepção das identificadas www.t2para4.com/t2para4. Do mesmo modo, este blog faz por respeitar os direitos de autor, mas em caso de violação dos mesmos agradeço ser notificada.

Visitas


Translate this page


Mensagens