Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Consulta de autismo

por t2para4, em 19.02.11

Na passada semana, as piolhas tiveram consulta na Unidade de Autismo. A consulta correu muito bem e pouco tempo estivemos à espera para sermos atendidos. A educadora do apoio, à semelhança do que fez na consulta de Novembro, foi lá ter.

 

Foi feita a triagem mas não correu bem: nenhuma das duas deixou medir a tensão arterial e começaram a ressentir-se com o calor (tirei-lhes a camisola), pesam 13, 400 as duas, uma mede 95 cm e a outra 97cm. Foram feitas as pergunta das praxe: se têm sido saudáveis, se estão no jardim de Infância, se há alguma questão a colocar que o enfermeiro possa ajudar. Por agora, tudo bem.

 

Aguardámos um pouco na sala de espera, dei iogurtes e fomos logo chamados. O médico-pediatra que acompanhará as gémeas neste processo (sei lá até quando) chama-se Frederico Duque e gostei muito dele. Trabalha na equipa da dra Guiomar e optou por ficar com as duas pois a convocatória da consulta indicava que cada menina teria o seu pediatra. No gabinete (minúsculo) estavam o pediatra, nós (eu, o marido, as gémeas e a educadora do apoio), duas psicólogas e uma estagiária. Foi de bradar aos céus porque começou logo a ficar calor demais, as gémeas a descompensar e a transpirar, eu a tirar-lhes roupa. A ed. do apoio foi com uma piolha para uma sala fazer a avaliação com a psicóloga e a outra ficou connosco naquele gabinete.

A avaliação faz parte de escala de perguntas e análises a vários parâmetros, desde motor a comportamental a cognitivo. Pelo que vi pela piolha, fez alguns exercícios de cópia de traços (círculo, cruz, 3 linhas paralelas), encaixes cronometrados, imitação de jogos, reconhecimento ou identificação de cores, objectos, letras do alfabeto (ela conhece 18 e lê definitivamente o seu nome e o da irmã), associação de objectos a acções (tipo, os talheres são para comer), etc. Chama-se a isto avaliação na escala de Griffiths. Já tinha encontrado isto na net quando andei nas minhas pesquisas, no final de Agosto, mas achei que era ir longe demais ser eu a fazer este tipo de avaliação em casa. Bem, resultados dados: a média é 100, uma apresenta 108 e outra 110, no total. Em algumas áreas vão até aos 130 mas noutras estão nos 80.

O médico, no final, e depois de imensas perguntas que acabam por ser a repetição daquilo que já contámos vezes sem conta em consultas anteriores, disse que as gémeas estão muito bem trabalhadas e estruturadas, que se mantém o quadro de desvio do espectro autista e que, tal como mostra a avaliação feita, haverá sempre um desfasamento no seu desenvolvimento mas que, no seu todo, compensa bem as coisas; disse para mantermos o apoio do PIIP, a terapia da fala e o trabalho contínuo que temos feito em casa com elas (disse que sou muito assertiva, o que é bom). Marcou nova consulta para Setembro e disse-nos que é nessa altura que faremos os testes genéticos, nós apenas, para já.

Fomos informados que receberemos pelo correio, uma série de documentação sobre a avaliação e o relatório do médico.

 

Finda a consulta, fomos falar com a assistente social que nos auxiliou com mais uma série de papelada  e cujas informações disponibilizarei aqui no blog assim que possa. Faz parte da minha lista de afazeres postar uma listagem completa do que pesquisei e do que me informei sobre o desvio do especttro autista.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:35

Contador

AmazingCounters.com


Direitos Reservados

Algumas das fotos publicadas neste blog são retiradas da Internet, tendo assim os seus Direitos Reservados. Se o autor de alguma delas discordar da sua publicação, por favor informe que de imediato será retirada. Obrigada. Os artigos, notícias e eventos divulgados neste blog tem carácter meramente informativo. Não existe qualquer pretensão da parte deste blog de fornecer aconselhamento ou orientação médica, diagnóstico ou indicar tratamentos ou metodologias preferenciais.


2 comentários

Sem imagem de perfil

De Carla Rocha a 24.02.2011 às 11:02

Olá! Segui o link num comentário numa publicação do VencerAutismo sobre o inquérito ao qual tb respondi no FB . Identifiquei-me imenso com vcs ao ler este post : tb eu sou de Coimbra, tb eu acabo de passar por tudo isto q descrevem com o meu principe de 4 anos, diagnosticado pela Dra Guiomar em 22/11/2010, com PEA . Adorava ir acompanhando as vossas aventuras, sinto que andamos a travar batalhas semelhantes! Tudo de bom para vcs os 4!
Imagem de perfil

De t2para4 a 24.02.2011 às 11:39

Bem vinda, Carla.
É um abalo indescretível. Ainda tenho momentos de grande revolta, ainda choro muito, ainda me dói demais... Mas depois há outros dias onde parece tudo bem, onde se sente um cheirinho de "normalidade" e um abraço forte das piolhas ajuda.
Esteja à vontade para intervir e colaborar.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor







Copyright

É proibida a reprodução parcial/total de textos deste blog, sem a indicação expressa da autoria e proveniência. Todas as imagens aqui visualizadas são retiradas da internet, com a excepção das identificadas www.t2para4.com/t2para4. Do mesmo modo, este blog faz por respeitar os direitos de autor, mas em caso de violação dos mesmos agradeço ser notificada.

Visitas


Translate this page


Mensagens