Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Freshly squeezed: aqui está a história de que falei em posts anteriores para abordar com quem me quiser ouvir na escola. Trata-se de um texto muito simples,  muito breve que fala, de forma muito generalista, de como são os comportamentos das piolhas - metamorfoseadas em ervilhas - e de como ser diferente é normal porque somos todos diferentes mas temos direitos, deveres e até gostos iguais.

 

Partilho, então, a história que pode servir de ponto de partida para  uma abordagem  mais alargada ou complexa sobre a temática do autismo.

 

 

NOTA: Clique no icon FullScreen (canto inferior direito) para ler melhor



 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:16

Tagarelice transformada em "aula"

por t2para4, em 16.11.12

Depois da tagarelice sobre o Rio "morcego", numa das nossas idas ao Fórum Coimbra, descobrimos a lenda do rio Mondego nas portas das casas de banho de um dos andares. Aproveitei logo a deixa e, entre um chichi e um veste a roupa, lá lhe li a lenda e mostrei os desenhos.

 

  

Todas as casas de banho de todos os andares têm desenhos e lendas associadas a Coimbra ou às suas personalidades mais marcantes. Depois da lenda do rio Mondego, já lhes li a história do milagre das rosas e elas acharam fantástica a mudança pão-rosas. 

A ideia de literatura de casa de banho ganha aqui um novo significado :)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:30

As leituras das piolhas #1

por t2para4, em 14.11.12

No Verão iniciei a tentativa de ir contando/lendo histórias de vários autores às piolhas e fazermos sempre um trabalhinho associado a isso para reforçar a aprendizagem do conteúdo que queremos destacar, ou, apenas para treinar a motricidade e a criatividade.

Depois dos "Contos d'Aki e d'Akolá", do livro "Oh, as cores!" e de algumas histórias isoladas, tinha começado a ler-lhes "O Principezinho". 

Vou confessar uma coisa: apesar de eu saber perfeitamente que a noção que as crianças têm da morte não é bem a mesma que nós, euzinha, que fico em autentico pânico só de pensar na não-existência/na morte/no desaparecimento, não tive coragem para lhes ler o final do livro. Cheguei a uma parte e disse que o Principezinho tinha ido embora para outro lado. Dispenso as teorias psicológicas em relação à morte ou à adulteração de clássicos. Interessa reter aqui que o principezinho era um coração puro que fazia tudo pelo seu planeta e que, na sua perspetiva pura e simples de criança - achava os adultos muito complicados e o mundo dos ainda mais complicado porque estes o complicavam sem necessidade disso. 

No final, convidámos a vizinha da frente - ainda estávamos em casa dos avós, de férias - e fizemos este trabalho, com pintura e colagens, o que implicou escolha de missangas (algumas bem pequenas) e mão firme para as pôr em cima da cola sem colar os dedos.

 

 

 

Este tipo de atividades é para manter, emboram, na maioria das vezes, faça apenas uma leitura pelo simples prazer da leitura em si - no strings attached. Nota-se bem que o tempo de concentração não se compara em nada ao que era há 3 anos atrás e que, agora até são elas quem pede para lhes lermos uma história ou patra lhes darmos um livro da estante. O que fazem? É simples: pegam no livro, leem as palavras que sabem ler e inventam o resto :) autonomia total!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:02

Porque brincar é bom...

por t2para4, em 06.10.12

... e é preciso, quer para crianças quer para adultos, deixo dois documentos fantásticos que dão sugestões de atividades e reforçam positivamente a sua importância.

 

Este foi-me feito chegar pelo nosso terapeuta da fala e pela nossa psicóloga da intervenção precoce. Vale a pena ver e experimentar!

 

 

 

 

 

Boas brincadeiras!!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:40

"Autismo" por Valério Romão

por t2para4, em 02.08.12

Ao contrário do que é habitual na maioria dos livros sobre a temática do autismo, este é feito, falado e lido na 1º pessoa. Não se trata de um médico ou um cientista qualquer a falar sobre esta patologia mas sim um pai a falar sobre o que o autismo acarreta e faz a uma família. Sempre na 1º pessoa.

 

Ainda não comprei o livro - estou a tratar disso - mas recomendo-o desde já a quem quiser tentar perceber um pouco mais do que é isto e de como uma família gere tudo isto, sempre com o foco na pessoa que mais importa - o filho.

 

"Autismo" de Valério Romão, da editora Abysmo.

 

E aqui fica um excerto da sua ida à TVI. Como sempre, sábias palavras...

 

 

http://www.tvi.iol.pt/programa/2015/videos/128760/video/13662845

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:03

Leituras

por t2para4, em 21.07.12

Ora, depois de, nestes tempos recentes mas idos, já ter lido avidamente estes livros:

 

 

 (adorei este pelo modo como as diferenças culturais foram abordadas e pela visão dada. Espantou-me principalmente o facto de, a certa altura, referir que o combustível custa 0,13 € o litro...........)

 

 

 

Estou neste momento, a ler este, na versão francesa, em édition de poche. Aproveito para ir revendo as particularidades da língua enquanto vou lendo. A história é muito interessante e quase digna de filme.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:22

Foi com um carinho e um orgulho imensos que discursei ao apresentar a autora do livro que dá título a este post. Correu tudo tão bem, ela estava linda e cativante, a filhota andava excitadíssima a tirar fotografias a tudo (desde pés a paredes) e deu bem conta do recado da venda de livros :) o auditório estava quase cheio com pessoas que vieram de propósito para ouvir e ver.

 

Há já algum tempo que as suas histórias fazem parte do espólio de leituras que, às vezes, é lido às piolhas antes de dormir. É com um orgulho enorme que agora vejo isso em livro e não em folhas A4 imprimidas.

 

Parabéns, miúda e que a 2ª edição ou o 2º livro venham rápido!!!

 

As piolhas ficaram em casa da avó e até correu bem. Muita gente perguntou por elas e, por muito que me custe não poder levá-las comigo para certos eventos, temos que ser realistas: apesar de ser um livro infantil, não era um evento que fosse do agrado delas... Não se pode ter tudo. Não aceito mas aprendi a lidar com isso...

Adiante.

 

E aqui estão o rock e a amiga:

 

 

E aqui está a capa do seu livro:

 

 

E aqui estão os locais onde podemos adquiri-lo, em formato livro ou ebook:

- qualquer livraria, basta fazer a encomenda ou procurar

- Via internet:

         * Livro - http://www.worldartfriends.com/store/1618-lucia-barata-contos-daki-e-dakola.html

         * Ebook -http://www.worldartfriends.com/store/1619-contos-daki-e-dakola.html

 

 

 

Boas leituras!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:09

Leituras

por t2para4, em 22.05.12

Agora é este quem enfeita a minha mesa de cabeceira...

 

 

Lê-se bem, escrita fluida, história de amor e de coragem e blá blá blá mi mi mi. Bom para desanuviar.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:05

Contador

AmazingCounters.com


Direitos Reservados

Algumas das fotos publicadas neste blog são retiradas da Internet, tendo assim os seus Direitos Reservados. Se o autor de alguma delas discordar da sua publicação, por favor informe que de imediato será retirada. Obrigada. Os artigos, notícias e eventos divulgados neste blog tem carácter meramente informativo. Não existe qualquer pretensão da parte deste blog de fornecer aconselhamento ou orientação médica, diagnóstico ou indicar tratamentos ou metodologias preferenciais.


Mais sobre mim

foto do autor







Copyright

É proibida a reprodução parcial/total de textos deste blog, sem a indicação expressa da autoria e proveniência. Todas as imagens aqui visualizadas são retiradas da internet, com a excepção das identificadas www.t2para4.com/t2para4. Do mesmo modo, este blog faz por respeitar os direitos de autor, mas em caso de violação dos mesmos agradeço ser notificada.

Visitas


Translate this page


Mensagens