Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Corria o ano de 1989 e eu decidi que iria começar a ler uma coleção. E foi. E hoje, mais de 30 anos depois, tenho a coleção completa e leio sempre o mais recente.

O grupo, Pedro, Chico, João, gémeas Teresa e Luísa e os cães, claro, foram trabalhar como voluntários na recuperação de um teatro numa aldeia do interior, perto da fronteira, onde conhecem Abel (cujo avô mandou construir e depois recuperar o teatro), Constantino (que lhes conta histórias antigas e intrigantes) e José Silvino (um estranho simpático, todo despachado e solícito). Descobrem coisas estranhas na remodelação e acham que podia haver crime antigo embora o criminoso de carne e osso e não de ficção ande bem perto deles.
Uma aventura que envolve planos de assalto a um banco, uma casa maldita, um rio seco, cabanas com relíquias e umas ruínas inexplicáveis.
Nunca desilude. E lê-se de uma assentada (nós, pelo menos).

 

214590437_561374118571344_4358560977102708544_n.jp

 

 

 

-------------- Estamos também no Facebook e no Instagram ------------

publicado às 20:33

"Se há tantas cabeças quantas são as maneiras de pensar, há de haver tantos tipos de amor quantos são os corações.“

A obra "Anna Karenina" de Leo Tolstói decorre em torno de um grupo de personagens da aristocracia russa, ligadas entre si por relações de parentesco. O tema é, sem dúvida o amor. O amor entre esposos, o amor da esposa pelo esposo infiel, o amor do esposo infiel pelas suas infidelidades, o amor extra-conjugal, o amor pela família, o amor entre duas pessoas. E é graças a esse amor que se vão vivendo venturas e desventuras e se aborda o divórcio que não chega, o perdão que é dado, os partos difíceis (finais do século XIX), as relações pessoais com a religião e a política.
O romance está dividido em oito partes, cada com cerca de 30 capítulos. Apesar da extensão, é uma obra que se lê notavelmente bem, de forma fluida e sem grandes floreados vocabulares ou lexicais ou sintáticos. Desenganemo-nos se pensamos que a obra é na sua íntegra dedicada a Anna Karenina. O foco na personagem é em crescendo mas a trama decorre em torno de outras famílias também, geralmente organizada por capítulos em cada parte.
Era uma leitura que almejava fazer há algum tempo. E gostei.

 

214457538_347863287055624_5731800108712907_n.jpg

 

 

 

-------------- Estamos também no Facebook e no Instagram ------------

 

publicado às 11:40

Direitos Reservados

Algumas das fotos publicadas neste blog são retiradas da Internet, tendo assim os seus Direitos Reservados. Se o autor de alguma delas discordar da sua publicação, por favor informe que de imediato será retirada. Obrigada. Os artigos, notícias e eventos divulgados neste blog tem carácter meramente informativo. Não existe qualquer pretensão da parte deste blog de fornecer aconselhamento ou orientação médica, diagnóstico ou indicar tratamentos ou metodologias preferenciais.


Mais sobre mim

foto do autor







Parceiros


Visitas


Copyright

É proibida a reprodução parcial/total de textos deste blog, sem a indicação expressa da autoria e proveniência. Todas as imagens aqui visualizadas são retiradas da internet, com a excepção das identificadas www.t2para4.com/t2para4. Do mesmo modo, este blog faz por respeitar os direitos de autor, mas em caso de violação dos mesmos agradeço ser notificada.

Translate this page


Mensagens