Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Alguns recados

por t2para4, em 06.11.13

Ninguém - a não ser uma mãe de alguém com necessidades especiais - sabe pelo que passamos. Não consegue sequer imaginá-lo.

 

Ninguém tem o direito de se meter na minha vida - ou na das piolhas - sem que o peçamos.

 

Estou - muito simplesmente - farta de queixas, queixinhas, recados, recadinhos, mariquices no boné, sugestões, "se fosse eu, eu faria...". Já dizia o outro que as opiniões são como... (completar com a recordação de um sucesso de Herman José).

 

Não precisamos de heróis, de pessoas incapazes de aceitar as adversidades apesar de trabalharem no terreno todos os dias, de pressões sociais de uma suposta e milagrosa cura, de aconselhamentos da treta que vão contra tudo o que temos trabalhado, de vontades expressas de colocarem minhocas na cabeça. Eu sou a gaja que comprou uma cadela golden retriever cedendo a todas as pressões e milagres e afins e, guess what?, não deu certo!, lembram-se? Been there, done that!

 

Deixem-nos ser quem somos. Somos uma família feliz, que trabalha arduamente para proporcionar a melhor das infâncias às piolhas, que exige que elas tenham tempo para serem crianças - não amanhã, hoje! agora!

 

A nossa normalidade não corresponde à normalidade dos outros. Enfiem isso na cabeça. 

E se em texto a coisa não vai lá, eis a minha seleção do momento, antes de me ir enfiar na cozinha e vestir a minha 788197875ª profissão do dia.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

And last but not least...

 

 

 

publicado às 18:44

Direitos Reservados

Algumas das fotos publicadas neste blog são retiradas da Internet, tendo assim os seus Direitos Reservados. Se o autor de alguma delas discordar da sua publicação, por favor informe que de imediato será retirada. Obrigada. Os artigos, notícias e eventos divulgados neste blog tem carácter meramente informativo. Não existe qualquer pretensão da parte deste blog de fornecer aconselhamento ou orientação médica, diagnóstico ou indicar tratamentos ou metodologias preferenciais.


1 comentário

Imagem de perfil

De m-M a 07.11.2013 às 16:02

Eu sou uma filha "diferente, mas devo a pessoa que sou aos meus pais. Pais leões, corujas, galinhas.
Dedicados, dedicados a trazer a nossa normalidade à nossa família. A normalidade de ser a filha mais nova mas crescer com e como a minha irmã mais velha. A normalidade da fisioterapia, da natação, das consultas, da "ginástica" familiar.
E realmente... se algum dia alguém se atreveu a dizer "acho que vocês deviam..." não lhes deve ter corrido bem.
Os pais que amam os filhos "normais", somos todos e sempre; amam-nos com o coração esse vê tudo e não tem pré-conceitos.
Parabéns à família e um beijinho grande

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor







Parceiros


Visitas


Copyright

É proibida a reprodução parcial/total de textos deste blog, sem a indicação expressa da autoria e proveniência. Todas as imagens aqui visualizadas são retiradas da internet, com a excepção das identificadas www.t2para4.com/t2para4. Do mesmo modo, este blog faz por respeitar os direitos de autor, mas em caso de violação dos mesmos agradeço ser notificada.

Translate this page


Mensagens