Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Quase... Mas não chega.

por t2para4, em 23.04.18

As opções - e os princípios -, às vezes, não seguem a estrada que deveriam seguir.

Mais uma vez, e desta vez já quase a sentir o mar nos pés, vou morrer na praia. Por optar estar com as piolhas e acompanhá-las no seu pleno e não poder trabalhar a tempo inteiro, fui - sou! - penalizada e não posso concorrer ao concurso extraordinário de professores para vincular. Parte de mim deprimiu e esmoreceu ainda mais um bocadinho quando tive de escolher "Não" - não serei opositora ao concurso extraordinário de vinculação. Porque o último ano em que reúno os tais 365 dias necessários para vincular foram já há 7 anos. No ano seguinte fiquei desempregada e os seguintes - até este preciso momento - têm sido sempre horários incompletos. Em parte, por opção porque, de facto, até me dá jeito ter um horário que me permita decalcar o das piolhas e estar sempre disponível para elas -, mas também em parte porque não consigo horários completos. Porquê? Porque o meu leque de escolhas é muito diminuto. Por opção. Pelo bem das piolhas. 

Fora da escola, em conjugação como freelancer, consigo o tal horário completo mas só um décimo desse horário me dá tempo de serviço vital para poder concorrer ao concurso nacional de professores. Porque, apesar de tudo, adoro mesmo o que faço e não consigo visualizar-me a fazer outra qualquer coisa.

 

Neste país, neste momento, sinto que fui penalizada por ter optado pelas minhas filhas e por as pôr sempre em primeiro lugar; sinto que fui penalizada por ter optado acompanhá-las numa luta inglória, injusta e desmesurada contra o autismo que nos entrou pela porta dentro sem pedir licença; sinto que fui penalizada por nunca ter parado de trabalhar mas por apenas ter uns quantos anos de serviço que ainda não enchem as duas mãos embora desconte desde 2003. 

 

Mas, como já me habituei a ver o copo meio cheio, serei contratada com todo o gosto. Sei que, mesmo sabendo que vou perder o meu lugar na escola onde estou agora pelo 2º ano consecutivo, haverá algures na área geográfica que escolho, um horário para mim, num dos meus vários grupos de recrutamento. E pode ser incompleto e/ou temporário que eu cá me arranjo. Porque, independentemente da praia que o MEC possa arranjar, eu posso não chegar ao mar mas ainda o consigo ver e cheirar. As minhas filhas primeiro, o resto depois.

 

 

st,small,215x235-pad,210x230,f8f8f8.lite-1u2.jpg

 

 

 

 

---------------- Estamos também no Facebook --------------------

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:19

Contador

AmazingCounters.com


Direitos Reservados

Algumas das fotos publicadas neste blog são retiradas da Internet, tendo assim os seus Direitos Reservados. Se o autor de alguma delas discordar da sua publicação, por favor informe que de imediato será retirada. Obrigada. Os artigos, notícias e eventos divulgados neste blog tem carácter meramente informativo. Não existe qualquer pretensão da parte deste blog de fornecer aconselhamento ou orientação médica, diagnóstico ou indicar tratamentos ou metodologias preferenciais.



Mais sobre mim

foto do autor







Copyright

É proibida a reprodução parcial/total de textos deste blog, sem a indicação expressa da autoria e proveniência. Todas as imagens aqui visualizadas são retiradas da internet, com a excepção das identificadas www.t2para4.com/t2para4. Do mesmo modo, este blog faz por respeitar os direitos de autor, mas em caso de violação dos mesmos agradeço ser notificada.

Visitas


Translate this page


Mensagens